GOLPE NA SAÚDE DO CONDE: Manga Rosa vai contra próprio partido para prejudicar o povo do Conde. Câmara não quer aprovar R$ 1,2 milhão para saúde


 Em mais uma tentativa de manobra com fins eleitoreiros, os vereadores de oposição da Câmara de Conde tentam travar recursos que devem chegar à Prefeitura, com foco para a saúde do município. Em meio à pandemia, mais de R$ 1,2 milhão em emendas destinadas à Secretaria de Saúde estão sob risco de não serem investidos, uma vez que os vereadores estão travando a aprovação da readequação do orçamento da Prefeitura.

Em sessão virtual realizada nesta terça-feira (18), os vereadores aprovaram um projeto de lei que permite o pagamento de gratificação dos profissionais da saúde que atuam diretamente no combate à Covid-19. O governo federal havia mandado recursos e faltava aprovação da Casa de Cícero Leite.

"O outro, diz respeito a reorganização do orçamento da prefeitura para poder receber e usar esse dinheiro novo, e também de emendas, essa eles não aprovaram. Se aprovaram a gratificação, mas não aprovaram o orçamento, não fizeram nada. Não posso pagar a gratificação se não tenho o orçamento. O orçamento precisa ser aprovado", afirmou a prefeita Márcia Lucena.

De acordo com informações de bastidores, a oposição argumenta que a lei está confusa e que tem muitas coisas para aprovarem. "Tem vários itens mas é o orçamento, só uma coisa, o orçamento", explicou Márcia.

Alguns itens do orçamento são, além da gratificação dos profissionais da saúde, emenda do deputado estadual Wilson Filho no valor de R$ 650 mil para compra de picapes e micro-ônibus para a saúde de Conde; e outra emenda do deputado federal Gervásio Maia no valor de R$ 653 mil para compra de móveis para saúde.

Caso não aprovem a readequação do orçamento, o município perderá mais de R$ 1,2 milhão e a população não poderá contar com investimentos na área da saúde, em meio à pandemia. "Isso significa que vamos ter que devolver o dinheiro para o governo federal, o dinheiro que os deputados destinaram para a população. E mais que isso: ficaremos sem picapes, micro-ônibus e móveis para saúde de Conde", disse Márcia.

Postagens mais visitadas deste blog

Novo tempo: Secretário de Planejamento da Prefeitura do Conde está sendo processado por falsificação de documentos de imóveis

Guarda municipal de Conde armado surta dentro da Base da Guarda no momento em que as guarnições estavam em horário de repouso; assista

NORA DE ALUÍSIO E TATIANA, KARLA PIMENTEL DESCUMPRE JUSTIÇA E FAZ FESTA DO CORONA NO CONDE